Comércio de flores

Text Resize

-A +A

Compartilhar

29/06/2004

Comércio de flores

 

A partir de hoje, os floricultores da Bahia irão contar com um novo equipamento para a comercialização de seus produtos. Trata-se de um Box voltado para o comércio varejista das flores tropicais e subtropicais produzidas no estado, que será inaugurado pelo secretário da Agricultura, Pedro Barbosa, às 8h, no Mercado do Ogunjá. Montado pela Secretaria da Agricultura (Seagri), com o apoio da Empresa Baiana de Alimentos (Ebal), órgão ligado à Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração (SICM), o Centro de Comercialização de Flores do Ogunjá tem 80m2 e será gerido pela Associação Baiana dos Produtores de Flores e Plantas Ornamentais (Asbaflor). A Seagri investiu de R$ 20 mil.

“ Vai integrar as estratégias de comercialização do programa Flores da Bahia e consolidar a floricultura no estado”, explicou o superintendente de Desenvolvimento do Agronegócio da Seagri, Edílson Bartolomeu.