Governo aprova 1,05 milhão de toneladas de milho para leilão

Text Resize

-A +A

Compartilhar

12/08/2014
Ministério da Agricultura

Governo aprova 1,05 milhão de toneladas de milho para leilão

A maior quantidade será voltada para o estado de Mato Grosso

 

 O leilão do Prêmio Equalizador pago ao Produtor Rural (Pepro), de 1,05 milhão de toneladas de milho da safra 2013/2014, será promovido dia 20 de agosto, pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Os beneficiários serão avicultores, suinocultores, bovinocultores e suas cooperativas, além da indústria de ração para avicultura e suinocultura de várias localidades.

De acordo com o secretário de Política Agrícola, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Seneri Paludo, a maior parte será destinada para  Mato Grosso (850 mil toneladas), Goiás (75 mil toneladas) e Mato Grosso do Sul (75 mil toneladas). A definição do preço do milho será de R$ 0,226/kg para o estado de Mato Grosso e de R$ 0,2945/kg para os estados de Mato Grosso do Sul e  de Goiás.

Segundo a Conab, o arrematante, produtor rural ou cooperativa, não pode escoar o produto para as regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, com exceção dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e norte de Minas Gerais, além de Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia e Tocantins.

O Pepro é um prêmio concedido ao produtor ou cooperativa que vende e escoa seu produto, de acordo com valores de referência do governo federal.